Paróquia de Remanso promove encontro com animadores e animadoras para falar sobre a CF de 2016

17:28 - Não comentado

O encontro aconteceu nesta quinta-feira, 05/02/16, e contou com a participação de vários animadores e animadoras das pastorais, movimentos, comunidades e grupos da paróquia Nossa Senhora do Rosário. O objetivo foi apresentar e avaliar o tema e objetivos da Campanha da Fraternidade de 2016, que este ano será ecumênica.

O lançamento oficial da Campanha da Fraternidade ocorre na quarta-feira de cinzas e é uma forma da Igreja do Brasil viver o tempo da Quaresma, marcado pelo jejum, oração, esmola e penitência em preparação para a Pascoa de Jesus, principal celebração do cristianismo.

A Campanha da Fraternidade é um convite para aprofundar a reflexão sobre algum tema importante que diz respeito à vida das pessoas em sociedade.

Este ano a CF irá refletir o tema: Casa comum, nossa responsabilidade “a partir de um problema específico que afeta o meio ambiente e a vida de todos os seres vivos, que é a fragilidade e, em alguns lugares, a ausência dos serviços de saneamento básico em nosso país”.

Para as Igrejas e Organizações cristãs que elaboraram a Campanha da Fraternidade Ecumênica deste ano “o objetivo principal é assegurar o direito ao saneamento básico para todas as pessoas e empenharmo-nos, à luz da fé, por políticas públicas e atitudes responsáveis que garantam a integridade e o futuro de nossa Casa Comum”.

Em Remanso, a paróquia aprofunda a proposta da campanha em vários momentos do ano. Em espacial, durante a Quaresma, nas Vias Sacras e nos grupos, com apoio do livrinho da campanha, que sugere quatro encontros para reflexão do tema.


Ficou decidido também que será criada uma equipe que irá organizar alguns encontros a fim de pensar a respeito de algumas propostas para melhorar a qualidade dos serviços de saneamento básico do município de remanso.

Encontro com coordenadores de Pastorais, Grupos, Movimentos e Comunidades (reflexão em grupo sobre o 1º Encontro do Subsídio do Regional)
Encontro com coordenadores de Pastorais, Grupos, Movimentos e Comunidades (reflexão em grupo sobre o 2º Encontro do Subsídio do Regional)
Encontro com coordenadores de Pastorais, Grupos, Movimentos e Comunidades (reflexão em grupo sobre o 3º Encontro do Subsídio do Regional)
Encontro com coordenadores de Pastorais, Grupos, Movimentos e Comunidades (reflexão em grupo sobre o 4º Encontro do Subsídio do Regional)
O Encontro foi coordenado pelo Pároco Pe. José Benedito, Paroquia Nossa Senhora do Rosário - Remanso/BA



Pascom - Remanso, com fotos de Auricelio Bacelar (celular) e texto de Marcos Paulo (correspondentes Pascom)


Nova Coordenação Provincial das Irmãs de São José de Chambéry é eleita

19:21 - Não comentado

A Assembleia Capitular, formada por 164 Irmãs, reunida para o primeiro Capítulo da Província Única das Irmãs de São José de Chambéry no Brasil, elegeu Irmã Luiza Rodrigues para ser a Coordenadora Provincial, no triênio 2016 – 2019. Irmã Luiza Rodrigues é membro da Congregação há 48 anos. Formada em Serviço Social, atuou em diversos locais em missão, dentre eles, na África, nos períodos de 1983 – 1996 (Libéria) e 2010 – 2011 (Tanzânia). Esteve a serviço como Provincial da Província de São Paulo nos mandatos de 2000 – 2004 e 2012 – 2015; também serviu como Conselheira Geral de 2004 a 2009.

Na mesma sessão, foi eleito o Conselho Provincial, constituído pelas Irmãs Elisa Fátima Zuanazzi, Geni Estegues Pereira, Katia Rejane Sassi e Neuza Maria Delazari. As suplentes são as Irmãs Adriana Aparecida Romão e Maria da Glória Fernandes Oliveira. As Irmãs capitulares acolheram cada uma das eleitas com alegria, felicitações e muitas palavras de apoio.
Conselho
A equipe de Coordenação assume o desafio de ser o primeiro governo da nova Província que unificou as até então existentes: Porto Alegre, Caxias do Sul, Lagoa Vermelha, Paraná, São Paulo e a Região Norte/Nordeste. A equipe animará a vida em missão de mais de 500 Irmãs em 111 comunidades no Brasil e integrando Comunidades além-fronteiras, nos países: Suécia, Itália, França, Bélgica, Tanzânia e Moçambique.

Ir. Luiza Rodrigues, Provincial eleita, dirige suas primeiras palavras à Província brasileira: “Vivemos um momento novo na história das Irmãs de São José no Brasil – momento sagrado, pleno de unção e elegemos a Equipe de Governo Provincial. Foram cinco dias de escuta mútua e do Espírito, de convivência cordial, alegre e comprometida. Como Equipe Provincial assumimos a missão de dar continuidade à implementação desta nova estrutura, buscaremos caminhos para concretizarmos os sonhos, as ações, as propostas brotadas antes e durante nosso Capítulo. Unidas como Província e Congregação faremos germinar e produzir frutos, o ‘NOVO’ que plantamos nestes dias na alegria e na esperança”.

Que São José, Pe. Médaille e as Irmãs predecessoras acompanhem o caminho a ser trilhado pela Província das Irmãs de São José de Chambéry no Brasil.


Fonte: Ir. Andréia Pires

“Esse ano eu não passei aperreio porque tinha muita ração guardada”, diz agricultor do sertão baiano

11:37 - Não comentado
O ano de 2016 começou com muitas chuvas no sertão da Bahia e, mesmo de forma irregular, chovendo mais em uns locais e em outros menos, a vinda da chuva é motivo de muita alegria, principalmente para as comunidades rurais, pois estas têm o costume de armazenar a água da chuva, além da chegada dela garantir a renovação da Caatinga e favorecer o plantio e o pasto para os animais.

Para captar e armazenar a água que cai, as famílias e comunidades contam com as tecnologias de captação e armazenamento da chuva. São as cisternas de consumo e de produção, os barreiros trincheiras, os tanques de pedras, barragens subterrâneas, açudes, etc. Em todo Semiárido, estas tecnologias são construídas por mais de três mil organizações reunidas na Articulação do Semiárido – Asa, o que já possibilitou a construção de 669.243 tecnologias até janeiro deste ano.

Em Juazeiro (BA), famílias da comunidade de Cipó, no distrito de Juremal, estão incluídas nesse dado. A região é contemplada com projetos executados pelo Irpaa e que hoje garante o armazenamento da água em cisternas calçadão, as quais encheram logo com as chuvas da primeira semana de janeiro.

Mas, além de guardar a água, é preciso atentar para a importância de armazenar também o pasto. “Esse ano eu não passei aperreio porque tinha muita ração guardada”, diz o agricultor Rafael Nunes, se referindo ao ano de 2015 e citando a silagem e fenação como práticas adotadas nos últimos anos após a assessoria de organizações como o Irpaa. Ele conta que quando começa a sair o “broio” das plantas na Caatinga, os animais são logo soltos na área, mas como o verde não dura o ano todo, é preciso armazenar a forragem. “A gente agora é esperar que saia bem comida na área de Fundo de Pasto que a gente vai trabalhar no sistema de guardar a ração pra quando chegar o mesmo período a gente ter a ração para os animais, porque comprar não dá certo não, é muito caro”, confirma.

São ações simples como estas, asseguradas às milhares famílias por meio das políticas públicas voltadas para o Semiárido, que diferenciam estes últimos anos de estiagem das secas de algumas décadas atrás. “Antigamente a gente esperdiçava muito, ninguém guardava nada não”, lembra Seu Rafael, destacando a importância tanto da estocagem de alimentos quanto da água.

Medição da chuva para planejar a produção

Para garantir um bom planejamento acerca do uso da água, tanto para consumo humano quanto animal, e a produção agrícola de sequeiro, a medição da chuva é um elemento indispensável no Semiárido brasileiro. Além dos dados divulgados pelos institutos de pesquisa, no sertão baiano muitos/as agricultores e agricultoras também medem a quantidade de chuva que cai na propriedade.

Isso é feito através do pluviômetro popular, uma tecnologia confeccionada de forma caseira com uma lata de leite em pó, uma estaca de madeira e uma régua para medir os milímetros de cada chuva que cai. Para o agricultor Rogério Gonçalves, também morador de Cipó, após o período chuvoso é feito um balanço da quantidade de chuvas para assim planejar, por exemplo, quais os cultivos mais apropriados, se é possível investir no crescimento do rebanho, se irá necessitar de outras fontes de água durante o ano, isso considerando o volume de água armazenado.


Para o Irpaa, o importante é constatar que as famílias, ao receberem uma tecnologia dessas, aprendem também a fazer a gestão da água armazenada. O processo pedagógico que acompanha a construção da tecnologia – seja de maior custo ou algo caseiro como o pluviômetro – ajuda as famílias a compreenderem que estocar e fazer o uso correto da água e da Caatinga é o que garante uma maior tranquilidade durante o período de estiagem.



PASCOM Remanso, com Texto e Fotos: Comunicação Irpaa


Catequistas de nossa Paróquia participam da 1ª Romaria da Catequese ao Santuário Nossa Senhora das Grotas, Juazeiro/BA.

08:47 - Não comentado

Aconteceu no último domingo, 27 de setembro do corrente ano a Primeira Romaria Diocesana da Catequese, no Colégio Paulo VI em Juazeiro. Com a estimativa de 300 catequistas segundo a coordenação Diocesana, onde se obteve a participação de diversas paróquias que compõe a n nossa Diocese. De nossa paróquia participaram 34 catequistas de diversos grupos que compõe a Pastoral Catequética.

A Romaria teve como tema: “Tenho sede” (João 19,28) “Senhor, dá-me de beber” (João 4, 15) e este foi trabalhado de forma clara e bastante reflexiva por Padre Aluísio, onde se interiorizou a missão catequética com os enfrentamentos das dificuldades e missão profética de denunciar, tendo como base fundamental a nossa realidade em relação ao nosso Rio São Francisco. Com uma programação diversificada durante todo o dia, a primeira romaria da catequese contou com muita animação, oração, reflexão, apresentações culturais e as oficias que foram abordadas refletindo os 07 sinais de Jesus no Evangelho de São João, que fez com que essa romaria tivesse o bom resultado que teve.



Os 07 sinais foram trabalhados nas oficinas através da leitura orante de cada passagem bíblica e estas foram apresentadas pelos catequistas participantes dessas oficinas no intuito de firmar e de se obter uma reflexão profunda do tema e dos objetivos esperados pela coordenação Diocesana.

Depois de um dia trabalhos referentes ao tema, a Romaria Diocesana da Catequese, teve o seu momento mais importante, a caminhada realizada no fim da tarde, saindo do Colégio Paulo VI até o Santuário de Nossa Senhora das Grotas, padroeira de nossa diocese, encerrando com a Celebração Eucarística presidida por nosso Bispo Dom José Geraldo. Um momento único e maravilhoso onde os catequistas expressaram a sua missão de serem fontes importantes para o anuncio de Cristo e de denunciar as injustiças, promovendo a vida através da preservação.

Caravana de Catequistas com destino ao Santuário Nossa Senhora das Grotas - Juazeiro BA
Os catequistas agradecem por esse dia tão especial e marcante na vida comunitária e também na vida pessoal de cada um disponibilizada a serviço do Reino de Deus! E esperam ansiosos para a realização das próximas Romarias!


PASCOM-Remanso, com informações e fotos de Reilson Santos.


1ª Feira Agroecológica de Remanso

09:14 - Não comentado

O Sasop, grupos de produção e parceiros estarão realizando a 1ª Feira Agroecológica de Remanso com o tema Unindo saberes, construindo caminhos.

A feira acontecerá dia 28 de setembro, próxima segunda-feira em frente ao Mercado Municipal no horário das 8h da manhã às 5h da tarde.

O sucesso dessa feira é a sua participação!

8h à 17h

Degustação e Comercialização de Produtos da Agricultura Familiar
Exposição e Comercialização de Artesanato
Sal de Vídeo: Curtas sobre Experiências Agroecológicas
Estandes Com Orientações Técnicas e Educativas
Forró Pé de Serra / Grupo da Comunidade Salina do Brejo
Cordel e Orientações em Segurança Alimentar e Nutricional/Alunos de Agroecologia (UNIFAN)
Ações Lúdicas e Culturais / Recreadores do IRPAA
Sorteios de Produtos da Agricultura Familiar e Artesanato

9h

Acolhida e boas vindas / Sasop, parceiros e grupos de produção. “Pra que Feira Agroecológica? Unindo saberes, construindo caminhos”

11h
Samba de Véio/ Grupo da Minininha

17h


Mística de Encerramento: Troca de produtos entre grupos de produção e parceiros.

Irmã Gecyra, um exemplo de fé e vida.

14:36 - Não comentado
“Dou-te graças, ó Pai, Senhor do céu e da terra, porque ocultaste estas coisas aos entendidos, e tu as revelaste aos simples e pequeninos!” (Mt 11, 25)

Irmã Gecyra Libera Guiotto nasceu em Sananduva, RS. Filha de Jacob Guiotto e de Amabile Bigarella Guiotto. Era a oitava filha do casal. Apesar de saúde frágil desde pequena, sempre se mostrou pessoa forte, generosa, disponível, agradecida e acolhedora.

Ao falar de sua vida em missão, ela reconhece que Deus tem os seus caminhos que nem sempre são os sonhados e pretendidos por nós. E para cada situação ou tempo de sua caminhada de 85 anos, Irmã Gecyra repetia: “Foi melhor assim! Deus seja louvado!”

Com oito anos, fez a primeira Comunhão e foi crismada. Com orgulho ela dizia: “A catequista foi minha mãe e o padre disse que eu estava bem preparada”. Lembrava, com alegria, os pedidos que fez a Jesus nesse dia; “amar sempre a Jesus, nunca ofendê-lo e a graça de uma boa morte.” A família era muito religiosa. Quando criança, os pais falavam muito sobre as aparições de Nossa Senhora de Fátima, de Lourdes, de Caravaggio. E ela, na sua ingenuidade, achava que podia ver Nossa Senhora também. Lembra que quando iam para a escola, e o percurso era longo, ela e suas irmãs rezavam o terço durante o trajeto.

O ambiente de fé e de oração na família favoreceu o cultivo da Vocação à Vida Religiosa Consagrada.

Conheceu as Irmãs de São José em Sananduva. Encantou-se pelo seu jeito simples e carinhoso de acolher e conversar com as pessoas.

Decidida a seguir a Vida Religiosa como Irmã de São José, fez o postulado em Garibaldi no ano de 1948 e em 1950, fez o primeiro Engajamento, e foi enviada em missão para o Hospital Psiquiátrico São Pedro, Porto Alegre, lá permanecendo pelos longos 31 anos, trabalhando como auxiliar de Farmácia. Passou depois a trabalhar na Creche São Francisco, em Porto Alegre.

Em 1988, recebeu o convite para trabalhar em Remanso, Bahia, que aceitou com alegria e na total confiança em Deus. Durante os 23 anos que lá permaneceu e ela mesma confessa que se identificou com aquele povo pobre e sofrido. Encontrou o lugar e a missão que sonhava: “Ser Missionária, ajudar e estar com os mais pobres, os desprovidos de razões para ter esperança.” Visitava as famílias, os doentes, consolava os tristes e alimentava a esperança de quem não tinha em quem confiar.

Irmã Gecyra morou e trabalhou ainda nas comunidades de Fátima do Sul, MS, nos Bairros Pioneiro e Santa Fé, em Caxias do Sul. Em 2015, em vista de sua saúde fragilizada, passou a residir na Casa Nazaré, em Caxias do Sul.

Irmã Gecyra foi pessoa de muita oração, fé e disponibilidade ao Senhor. Cultivava grande intimidade com Deus. Viveu com intensidade o que rezam as Constituições das Irmãs de São José: “espírito de humildade, de aniquilamento, de vida oculta em Deus, vida voltada totalmente para Deus e para o próximo e nada para si mesma”. Era conhecida como a irmãzinha que reza nas famílias.

Sabia integrar oração, trabalho e lazer. Gostava de estar na comunidade das Irmãs para rezar, estudar e se divertir. Generosidade e autenticidade foram suas grandes virtudes. Era afável, caridosa com as Irmãs. Misericordiosa e prudente nos seus julgamentos e palavras. Cuidou muito do cultivo da fé, do Carisma de Comunhão, de sua formação pessoal e espiritual. Aproveitava das oportunidades que lhe eram oferecidas. Era muito querida e amava muitos seus familiares. Participava de sua vida, de suas alegrias e dores pela comunicação, visitas e prece.

Querida Irmã Gecyra, com tristeza mas na mais profunda admiração e fé na Vida eterna, nos despedimos hoje de ti. Obrigada pelo exemplo de doação, amor, zelo pela missão e empenho na vivência da Comunhão e da fraternidade.

Junto de Deus, intercede pelos teus familiares, pelas Irmãs de São José, pelas pessoas que sofrem e passam necessidades, pela Igreja de Jesus para que possa ser sinal do Reino. Olha para nossa Congregação a caminho da realização do Capítulo Geral. Que tenhamos a ousadia para darmos respostas aos apelos do povo, da Igreja e da Sociedade.

Que possamos, com a graça de Deus, viver o que nos deixaste como mensagem: “A intimidade com o Senhor é que dá coragem, força e confiança em Deus. Vida religiosa bem vivida é o céu na terra”.


PASCOM-Remanso, com a contribuição da Congregação das Irmãs de São José de Chambéry - Província de Caxias do Sul.



NOTA DE FALECIMENTO

14:35 - Não comentado

"Eu sou a ressurreição e a vida aquela que crer em mim jamais morrerá"

A Congregação das Irmãs de São José de Chambéry e a Paróquia Nossa Senhora do Rosário comunica o falecimento de nossa querida Irmã Gecyra ocorrido nesta manhã na cidade de Caxias do Sul.

Comunidade São Vicente em festa de 16 a 19 de setembro de 2015

11:50 - Não comentado

A comunidade de São Vicente de Paulo convida todos os devotos de São Vicente e a comunidade católica remansense  para o Tríduo festivo que acontecerá de 16 a 19 de setembro de 2015 no Centro Comunitário São Vicente de Paulo, onde estará sendo refletido o tema "Com São Vicente sejamos uma Igreja solidária e servidora".

PROGRAMAÇÃO

1ª NOITE (16/09/2015) - Quarta-feira
SUBTEMA: Que o nosso serviço torne o mundo mais solidário.
NOITEIROS: Legião de Maria, Creche São José, Centro São Leão Magno, Idosos, NAPI, Grupo Libertação AA, Centro irmã Dulce e quadras 10, 13 e 20.

2ª NOITE (17/09/2015) - Quinta-feira
SUBTEMA: A exemplo de São Vicente servir os mais carentes.
NOITEIROS: Catequistas, Catequizandos, Professores, Estudantes, Jovens, Comunidade da Vila Santana e quadras 09 e 11.

3ª NOITE (18/09/2015) - Sexta-feira
SUBTEMA: Que nós Cristãos sejamos fiéis aos nossos compromissos missionários.
NOITEIROS: Centros Comunitários, PASCOM, Pastorais, Vicentinos, Ministros da Eucaristia, Terço dos Homens, Comissão Organizadora e quadras 07 e 08.

DIA DA FESTA (19/09/2015) - Sábado
06:00h - Alvorada Festiva
19:30h - Missa Solene da Festa - Celebrada pelos padres José Benedito Rosa e Edmundo.



"Convém amar os pobres com um afeto especial, 
vendo neles a pessoa do próprio Cristo, 
e dando-lhes a importância que Ele mesmo dava" 
(São Vicente de Paulo)



Paróquia de Remanso realiza encontro com animadores da sede para aprofundar o tema do mês da Bíblia

14:32 - Não comentado
 

Inicia-se o mês de setembro e com ele o Mês da Bíblia, sendo esta o fruto da comunicação entre Deus que se revela e a pessoa que acolhe e responde à revelação. A Bíblia é formada por histórias de um povo, o Povo de Deus, que teve o dom de interpretar sua realidade à luz da presença de Deus e compreender que a vida é um projeto de amor que parte de Deus e volta para Ele.

Para melhor aprofundarmos os nossos conhecimentos na palavra de Deus, a CNBB propõe neste mês de setembro a conhecer Jesus através do Evangelho de São João, tendo como tema: “Missionários a partir do Evangelho de João’’ e o lema: “Permanecei no meu amor para dar bons frutos’’ (Jo 15, 8-9).

E como exemplo de Igreja Servidora e Missionária, a Paróquia Nossa Senhora do Rosário, realizou na última segunda feira, dia 31 de agosto do corrente ano, uma reunião com Pároco Pe. Benedito juntamente com os animadores (as) e coordenadores (as) das pastorais, grupos, movimentos e comunidades da sede, para a apresentação e o estudo do tema do Mês da Bíblia. Na oportunidade foram abordados detalhadamente os conteúdos dos quatro encontros presentes no livro, sendo estes: 1º Permanecei em Mim, Escutando a Palavra! 2º Permanecei em Mim, Anunciando o Evangelho com alegria! 3º Permanecei em Mim, Produzindo Frutos na Sociedade! 4º Permanecei em Mim, e o que Pedirdes Vos Será Dado! Ao final do estudo todas e todos presentes como de costume, assumiram o compromisso de anunciar a boa nova do evangelho do amor de São João para cada grupo e comunidade aos quais estão engajados, levando a diante o compromisso recebido no batismo.


“Permanecei em mim, É teu pedido Senhor./ E eu ficarei em vós, É a tua promessa de amor.’’



Pascom-Remanso, fotos e texto Rosana.


Regional do PARECAL realiza Assembleia de Catequese

17:29 - Não comentado

No último final de semana, 21,22 e 23 do presente mês, aconteceu no município de Pilão Arcado, no centro de formação Palmeiras de Elim, a assembleia de catequese com as paróquias que formam o regional PARECAL, Pilão Arcado, Remanso e Campo Alegre de Lourdes.

A assembleia do regional, foi assessorada pela Irmã Elita, que de forma aprofundada e reflexiva, trouxe o temática do ser profeta. Um tema de suma importância para o trabalho dos catequistas que estão no dia a dia lhe dando com as ações proféticas e missionárias em nossas paróquias. Englobado nesse tema, foi-se discutido e colocado em comunhão os pontos que ajudou os catequistas do regional refletirem e buscarem melhorias nas ações proféticas em suas paróquias.

Trabalhando os profetas bíblicos, seu contexto histórico, suas características, seu modo pessoal e comunitário de se viver nesta sociedade, ajudou os catequistas a perceberem a vida dos profetas bíblicos. Os catequistas partilharam as experiências de ser profeta, as ações da catequese, o que pode ser melhorado nessas ações... E em outro momento foi-se refletido a encíclica papal “Louvado Seja”, onde os catequistas perceberam e refletiram a ação profética que se manifesta no cuidado com a natureza, na preservação da criação Divina e como pode ser levado aos grupos de catequese essa conscientização.

Uma assembleia participativa, animada, descontraída e bastante produtiva, fez com que os catequistas percebessem a sua importância na missão de ser profetas nos dias de hoje. Com a participação efetiva do Pároco de Pilão Arcado, Padre Guilherme, e da coordenadora diocesana da catequese, Carminha, a assembleia trouxe um incentivo aos catequistas em buscar melhorias em suas comunidades, no que diz respeito ao ser profeta em meio as dificuldades.


Os catequistas participantes da assembleia avaliaram o mesmo como maravilhoso, pela troca de experiência, as vivências comunitárias, a interação das paróquias, e a formação que a mesma trouxe, a partir do tema. Essa avaliação da assembleia se dá por toda sua programação que incluiu, momentos de oração e reflexão, momentos de animação, noite cultural, trabalhos em grupo, apresentações teatrais envoltos no tema, celebração eucarística e o convívio dos catequistas das três paróquias.

“Agradecidos a Deus por essa assembleia, colocamos nas mãos do criador, a vida de cada catequista, a sua missão, a dedicação e a perseverança de levar o profeta Jesus Cristo, como exemplo a ser seguido em nossa caminhada.


A assembleia do PARECAL encerrou-se com a expectativa da participação do regional na Romaria Diocesana da catequese que irá se realizar no próximo mês. Esperamos com a graça de Deus a participação do nosso regional na Romaria, e que a mesma seja sinal de sermos profetas em movimento, em missão!


PASCOM-Remanso, com textos e fotos de Reilson Santos.



Coroinhas celebraram, juntamente com toda comunidade, Missa em Ação de Graças

17:15 - Não comentado

No ultimo domingo, 23 de agosto, o grupo de coroinhas de nossa paróquia, celebraram juntamente com toda a comunidade católica remansense, a missa em ação de graças pela vida dos coroinhas e acólitos de nossa paróquia, o serviço, a vocação e a missão que cada um assume em participar da vida da igreja e em estar disponível ao serviço do altar do Senhor.

Em nossa paróquia o grupo tem como coordenador, o jovem catequista Tiago da Silva que juntamente com os jovens Ramon Oliveira, Emerson Neves, Tainá da Silva e Gabriel Barbosa, formam a equipe de preparação e coordenação do grupo que atualmente conta com a participação de mais de 50 jovens e adolescentes de nossa comunidade. Celebrando a vida vocacional dos leigos, a celebração eucarística trouxe em suas intenções o serviço e a doação prestado pelo grupo tanto ao altar do Senhor, como para toda comunidade.

Ser coroinha é assumir com dedicação o mistério de nossa fé que se manifesta na presença de Jesus Cristo, que se faz alimento através da santa eucaristia e que nos dá a coragem para seguir o caminho da salvação.

Agradecidos a Deus pelo serviço prestado por esse grupo e pelas vidas que se tornam doação a serviço da liturgia e da comunidade, manifesta-se a alegria em ver tantos jovens dedicados ao serviço missionário da igreja. Assim também se manifesta a gratidão do grupo a comunidade e ao pároco, pelo incentivo a caminhada dos coroinhas e acólitos da paróquia Nossa Senhora do Rosário.

” Feliz é o jovens que dedica sua vida a serviço do Senhor Jesus Cristo, que nos encoraja, nos transforma e nos ensina a permanecermos no seu caminho de vida, de salvação e de solidariedade com os outros irmãos. Parabéns coroinhas pelo belíssimo trabalho! Que o Senhor abençoe cada vez mais a caminhada desse grupo, que também faz parte da minha vida e caminhada de cristão.



(Reilson Santos – Formador do grupo de coroinhas)

Vem aí a 1ª Romaria da Catequese ao Santuário Nossa Senhora das Grotas

11:08 - Não comentado

 
A Coordenação Diocesana de Catequese estará realizando dia 27 de setembro de 2015 a 1ª Romaria da Catequese ao Santuário Nossa Senhora das Grotas, Juazeiro/BA.

É com imensa alegria que anunciamos e lembramos aos Catequistas, Catequisandos, Padres, Comunidades, Pastorais e Movimentos da aproximação da 1ª Romaria da Catequese. Certamente será um momento de muita alegria e oração em que Catequistas, Catequisandos e todo Povo de Deus se juntam buscando as bênçãos de Nossa Senhora das Grotas.

A 1ª Romaria da Catequese tem como objetivo entusiasmar os catequistas e catequisandos pela missão evangelizadora, refletindo a Palavra de Deus, a partir da “Samaritana” que se encontra com Jesus. Caminhar em direção ao Santuário para encontrar nossa Padroeira Nossa Senhora das Grotas, agradecer e pedir a sua intercessão.

Essa Romaria, com certeza, será um momento forte, onde nos encontraremos com o verdadeiro Poço, que sacia a nossa sede, cuja “água viva”, para nós, é Jesus.


Ninguém duvide da importância dos Catequistas na vida da Igreja, semana após semana, eles anunciam a palavra de Deus às crianças, jovens e adultos.


Queridos Catequistas, organizem sua equipe, vejam com a Coordenação de sua Paróquia Regional para a melhor maneira de participar. Será um momento de muita reflexão, de partilha, de fortalecer nossa caminhada, celebrando com muita fé e esperança a vida e a missão que nos foi confiada.

Confira a programação:
 

PROGRAMAÇÃO
DIA
HORA
ATIVIDADE
27 DE
SETEMBRO
08h
Chegada e Acolhida
08h 30min
Café da manhã
09h
Abertura
09h 20min
Boas vindas
09h 25min
Apresentação por Paróquia
09h 35min
Oração
09h 50min
Coreografia
10h
Tema: Assessoria – Pe. Aluísio Borges

DIA
HORA
ATIVIDADE
27 DE
SETEMBRO
11h
Oficinas
12h 45min
Almoço
13h 30min
Apresentação das Oficinas
14h 30min
Apresentação Cultural por Regional
15h 30min
Lanche
16h
Caminhada
17h
Celebração Eucarística

 
 Os temas das oficinas: 

TEMAS DAS OFICINAS
CRIANÇAS: Cuidar da água é lutar pela vida no planeta!
A transformação da água em vinho, em Caná (Jo 2, 1-10).
A cura do filho do funcionário do rei (Jo 4, 46-54).
A cura do enfermo (paralítico) em Betsada (Jo 5, 1-9).
A multiplicação de pães e peixes (Jo 6, 1-13).
Jesus caminhando sobre o mar da Galiléia (Jo 6, 16-21)
A cura do cego de nascença (Jo 9)
A ressurreição de Lázaro (Jo 11, 1-46)
 
Pascom-Remanso, com informações de Leonardo Rodrigues (Pascom-Juazeiro)

 

Boletim informativo

Cadastre-se agora para receber as últimas notícias de nosso site!

Powered by Blogger.
back to top