SÃO VICENTE ROGAI POR NÓS NA LUTA POR UM MUNDO JUSTO E FRATERNO

13:10 - Não comentado


Neste sábado, 22/09, a comunidade de São Vicente encerrou os festejos em honra ao seu padroeiro com a celebração da Santa Missa presidida pelo Pe. Benedito e auxiliada pelo Pe. Edmundo, tendo a catequista Neidimária como comentarista. O Coral Revivendo em Cristo animou os fiéis presentes.

Imitar as virtudes de um santo nos faz mais íntimos de Jesus Cristo. São Vicente nos ensina com sua vida aquela passagem do evangelho aonde Jesus diz: “Eu não vim para ser servido, mas sim para servir” (Mt. 20, 28). São Vicente fez da sua vida um gesto de doação e por isso tornou-se amparo para os pobres necessitados. Por causa de sua vida de dedicação, São Vicente é reconhecido como acolhedor dos pobres e doentes; irmão dos esquecidos; consolador dos enfermos e alívio dos pobres, dentre outros títulos. Evidentemente que combater os males causadores da pobreza material e espiritual significa questionar as estruturas sócio-econômicas que geram a exclusão e a dureza do coração e comprometer-se na luta por mundo justo, fraterno e solidário.    

Na caminhada com Jesus, os discípulos muitas vezes não compreendiam a radicalidade da proposta do Mestre, que anunciava um mundo novo e uma maneira de pensar igualmente nova. Enquanto os discípulos discutiam quem teria o mérito de ser o primeiro no Reino de Deus, Jesus anuncia: “Se alguém quer ser o primeiro, deverá ser o último, e ser aquele que serve a todos.” (Mc. 9, 35). Neste momento, Jesus critica a lógica da meritocracia tão presente na nossa sociedade marcada pela hegemonia do pensamento neoliberal.

Na sua homilia, o Pe. Benedito nos lembrou e alertou que o pensamento equivocado dos discípulos continua presente no mundo de hoje, sobretudo em ano de eleição. Quantas vezes o eleitor define seu voto a partir dos benefícios (privilégios) que ele terá no governo, caso este ou aquele candidato vença as eleições? O critério da escolha tendo em vista o bem comum fica para segundo plano ou até mesmo é ignorado.

Continuando seu ensinamento, Jesus exorta: “Quem receber em meu nome uma destas crianças, estará recebendo a mim. E quem me receber, não estará recebendo a mim, mas aquele que me enviou.” (Mc. 9, 37). As crianças simbolizam justamente os fracos e excluídos do centro das grandes discussões acerca do futuro da sociedade. O que Jesus pede na missão de cada cristão é o compromisso na luta em favor do resgate da dignidade de todos aqueles que se encontram à margem da sociedade. O julgamento da fé e da vida do cristão é feito a partir do seu compromisso ou não com a libertação integral dos pobres e oprimidos (Mt. 25, 31-46).

São Vicente foi aquele que compreendeu o projeto de salvação de Deus e por isso participa de Sua Glória. A comunidade cristã católica, engajada na construção de um mundo novo, roga a Deus pela intercessão de São Vicente para que motivada pela fé em Jesus não se deixe abater pelas dificuldades e sofrimentos da vida. Amém!



Confira fotos do Tríduo clicando AQUI

  • Compartilhe este post:

Administração

Pastoral da Comunicação - Paróquia Nossa Senhora do Rosário, Remanso/BA - Diocese de Juazeiro/BA

Recent Posts

0 comentários:

ATENÇÃO:

Deixe aqui seu comentário. Fique à vontade para opinar ou somente dizer o que achou do artigo!

Proibido deixar dados pessoais como Email, MSN, Telefone, Endereço, etc.
Por favor não use palavras agressivas.
Não faça Spam.

Boletim informativo

Cadastre-se agora para receber as últimas notícias de nosso site!

Powered by Blogger.
back to top